sexta-feira, 23 de junho de 2017

Meninos Voadores de Gaza


Faixa de Gaza, Palestina,

Gueto, prisão a céu aberto,

Cercada por muros e minas.

Fronteira fechada no deserto

Sem as condições mínimas

De obterem suprimentos,

Apenas os contrabandeados 

Por túneis empoeirados

Por humanas toupeiras,

Voar há quem queira.

 

 

São os meninos voadores

Da Faixa de Gaza palestina,

De muros saltadores

Enfrentam a sua sina

A desafiarem os poderes,

Entre as vigas de ruínas

Parecem criar invisíveis asas

De liberdade e esperança

De uma pátria Palestina

Para a sua sofrida Gaza.

 *Inspirada no "parkour" em Gaza 

Porto Alegre, 23 de junho de 2017.

Foto: Google Image

Edu Cezimbra