terça-feira, 3 de maio de 2016

A Arte de Viver



Os problemas existenciais são parte das nossas vidas.

Aparentemente, todos nós conseguimos superá-los. 

Porém, fica em algum canto, uma mágoa tão árida que, talvez, estes grãos 
de areia de ressentimento formem o nosso "grande deserto da morte".

Se, ao invés de nos dedicarmos à mágoa eterna, exercêssemos a arte do perdão, em vez desta areia existencial, poderíamos formar o adubo vital para nossa realização pessoal.


"Foi lá por 86"

Edu Cezimbra