segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Rebaixamento



Um rebaixamento não é o fim do mundo.

Quando um time grande é rebaixado para a segunda divisão outro grande time sobe ou é campeão.

Isso torna o campeonato muito mais emocionante, não é mesmo?

Aquela luta para não cair é tão grande quanto a para subir...

"Sim, a derrota ensina mais que a vitória se é tudo pelo sport'...

Claro, a flauta também é inevitável mas a vida não é um campeonato de futebol, felizmente.

Um parêntese: tem pessoas, sim, que pautam sua vida pela paixão clubística, religiosa ou política. 

Aí, de fato, podem correr um alto risco de sofrer um rebaixamento intelectual ou mesmo mental.

Felizmente, para muitos, a vida é muito mais que um campeonato de futebol para ficarem 'por baixo' por causa do rebaixamento de seu clube do coração.

Repare que o futebol até pode nos ajudar a ver a vida com outros olhos quando se está 'por baixo'...

Vários grandes times após amargarem um rebaixamento para a série B voltaram e foram campeões, não é mesmo?

Não custa relembrar que na vida não disputamos nenhum campeonato.

O que podemos é aproveitar a vida sem frescuras, parar de achar que estar 'no alto' significa ter poder, prestígio ou muitos bens materiais.

Lamentavelmente, ainda há muita gente que acredita que isso é vencer e ter sucesso na vida quando na maioria das vezes estão é bem 'por baixo' afetiva e animicamente.

Tamanha miséria intelectual e espiritual é digna de compaixão.

Por isso, quando estiveres 'no alto' é aconselhável não olhar 'de cima' quem está 'por baixo' pois podes estar perto de um rebaixamento... 


Porto Alegre, 12 de dezembro de 2016.

Imagem: O Futebol no Inferno, J. Borges

Edu Cezimbra