terça-feira, 26 de abril de 2016

Brecht e a Felicidade


Cena de "A Ópera dos Trẽs Vinténs"

" Sim, corre atrás da felicidade, mas não
                                                    [corras demais!
Pois todos correm atrás da felicidade
E a felicidade corre justamente atrás de todos!..."

De "A Ópera dos Três Vinténs", de Bertold Brecht

Brecht, irônico por demais nestes versos...

A ácida ironia de Brecht já sinalizava uma época em que as pessoas correm muito.

Tempos modernos, em que a ansiedade fazia cada vez mais vítimas incautas de um modelo desumanizador.

A sutileza de Brecht não é nada didática, aliás...

Se parássemos de correr a felicidade nos alcançaria?

Fica a questão aos meus qualificados leitores!

Porto Alegre, 26 de abril de 2016.

Edu Cezimbra